O problema da experiência do ser em heidegger e lacan

Elton Augusto Pinotti e Souza

Resumen


O artigo aborda a relação entre ser e linguagem nas obras de Heidegger e Lacan. Para tanto,fizemos um percurso de diálogo crítico com algumas ideias de Slavoj Žižek presentes no artigo “Por que Lacan não é heideggeriano”, enquanto propusemos um problema: o ser só pode surgir pelo logos? Com os conceitos de das Ereignis em Heidegger e de gozo suplementar em Lacan, reconhecemos uma possibilidade de experiência do ser para mais além da identidade metafísica ou das identificações da fantasia.


Palabras clave


Heidegge; Lacan; Žižek; linguagem; ser

Texto completo:

PDF

Referencias


Florenski, P. (2010/1914). La columna y el fundamento de la verdade. Salamanca, España: Sígueme.

Hamon, R. (2010). Jouissance et position féminine. In : Les fondamentaux de la psychanalyse lacanienne : repères épistémologiques, conceptuels et cliniques. Rennes, Francia: Presses Universitaires de Rennes.

Heidegger, M. (1969/1955). Sobre o problema do Ser. Em Ernildo Stein (Trad.). São Paulo, Brasil: Livraria Duas Cidades.

Heidegger, M. (1983/1949). Sobre o “humanismo”. Em Ernildo Stein (tradução, introduções e notas), Conferências e escritos filosóficos (pp.149-175). São Paulo, Brasil: Abril Cultural.

Heidegger, M. (1983/1957). Identidade e diferença. Em Ernildo Stein (tradução, introduções e notas), Conferências e escritos filosóficos (pp.177-202). São Paulo, Brasil: Abril Cultural.

Heidegger, M. (1983/1962). “Tempo e ser”. Em Ernildo Stein (tradução, introduções e notas), Conferências e escritos filosóficos (pp.256-293). São Paulo, Brasil: Abril Cultural.

Heidegger, M. (2002/1950). A coisa. Em Emmanuel Carneiro Leão (Trad.), Ensaios e conferências. Petrópolis, Brasil: Editora Vozes.

Heidegger, M. (2003/1959). A essência da linguagem. Em A Caminho da linguagem. Petrópolis, Brasil: Editora Vozes.

Heidegger, M. (2006/1959-1969). Seminários de Zollikon. Petrópolis, Brasil: Editora Vozes.

Heidegger, M. (2009/1927). Ser e tempo. Em Márcia Sá Cavalcante Schuback (Trad.). Petrópolis, Brasil: Editora Vozes.

Krishnamurti, J. (2004/1961). Diário de Krishnamurti. Trad: Alexandra Trifler. São Paulo: Editora Pensamento-Cultrix.

Lacan, J. (1972-1973). Le séminaire: Livre 20: Encore. Staferla, disponível em: http://staferla.free.fr/.

Lacan, J. (2008/1972-1973). O Seminário. Livro 20: Mais, ainda. Rio de Janeiro, Brasil: Jorge Zahar Ed.

Sloterdijk, P. (1992). Regras para o parque humano. Rio de Janeiro, Brasil: Tempo Brasileiro.

Sloterdijk, P. (2009). Esferas I (Microsferología) - Borbujas. Madrid, España: Biblioteca de Ensayo Siruela.

Žižek, S. (2009). Por que Lacan não é heideggeriano. Em Lucas Mello Carvalho Ribeiro (Trad.). Belo Horizonte, Brasil: Scriptum.

Žižek, S. (2012). O amor impiedoso (ou: Sobre a crença). Em Lucas Mello Carvalho Ribeiro (Trad.). Belo Horizonte, Brasil: Autêntica.




DOI: https://doi.org/10.17533/udea.affs.v16n30a03 Resumen : 91 PDF : 58

Métricas de artículo

Cargando métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM




Copyright (c) 2019 Affectio Societatis

Licencia de Creative Commons
Este obra está bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-NoComercial-SinObraDerivada 4.0 Internacional.

Esta publicación hace parte del Sistema de Revistas de la Universidad de Antioquia
¿Quieres aprender a usar el Open Journal system? Ingresa al Curso virtual
Este sistema es administrado por el Programa Integración de Tecnologías a la Docencia
Universidad de Antioquia
Powered by Public Knowledge Project